Podemos falar do mês de dezembro?

by | 7 Dez, 2018 | Estilo de Vida, Viagens

Já te deste conta que falta pouco mais de duas semanas para o natal?
Aquele momento em que, entre duas rabanadas e uma filhós, piscas os olhos e já estás num novo ano?

Por muito que goste de doces (por acaso até nem gosto de rabanadas - a minha sorte!), umas das coisas que mais me fascina nesta altura do ano são as frases típicas que parecem sair da nossa boca quase automaticamente.
“Nem acredito que já estamos em dezembro…”
“Este ano aconteceu tanta coisa, e passou tão rápido, mas, ao mesmo tempo, parece que janeiro já foi há séculos!”
Ou, então, a típica:
“Venha de lá um ano novo… Pior que este não pode ser!”

Não sei qual delas é que te tem vindo à mente mais recentemente, mas parece-me adequado fazer uma pausa contigo e falarmos do teu mês de dezembro (vá, de 2019 também ;)).

Bem sei que novembro te pôs as ideias um pouco baralhadas (falámos disso na semana passada) e que nesta primeira semana de dezembro deste por ti no rescaldo da mudança de mês. As coisas ainda não estão totalmente claras (é possível que a falta de energia e os assuntos mal resolvidos perdurem), e a sensação pode ser muito semelhante a quando sais da sala de cinema depois de ver um filme super exigente emocionalmente - o filme já acabou, mas tu continuas a rever cada cena na tua cabeça a caminho de casa. De noite sonhas com o filme e, de manhã, quando chegas ao trabalho, não te conténs a descrever aos teus colegas tal como se ainda estivesses na sala de cinema.

Não tenho bola de cristal (não é a minha cena), mas até aposto que esta é a descrição do teu dezembro até agora…
** Estás “presa” no que aconteceu ou não aconteceu em novembro
** Não te consegues desligar emocionalmente nem seguir em frente
** Dás por ti com discurso repetitivo que só alimenta o mesmo padrão

A verdade é que, quer estejas a rever o que aconteceu no mês de novembro, ou estejas já a desejar que 2019 chegue rápido, tenho uma má e uma boa notícia para te dar:
1) Novembro já passou e 2019 ainda não chegou, por isso de nada te vale o gasto de energia
2) Dezembro está carregadinho de oportunidades se souberes estar bem disponível para elas

Supondo que queres saber que oportunidades são essas, vamos a um jogo de imaginação.
São 5h da manhã, há dias que não consegues dormir uma noite seguida e hoje, para não ser exceção, durante o pouco tempo que consegues estar a descansar, tens pesadelo atrás de pesadelo. Nenhum deles tem nexo, mas não consegues controlar o lugar escuro e confuso para onde o teu inconsciente te leva. Parece que todos os teus medos se reuniram num só pesadelo!

Entre agitação e suores, sentes um beliscão no teu braço direito que te acorda inesperadamente. Dás um salto pronta a reclamar e vês sentado na tua cama, com um ar bem safadinho, o Génio da lâmpada mágica (sim, os génios são safadinhos!)
Ficas meio atordoada e nem consegues ter reação a não ser pensar que deve fazer tudo parte do pesadelo. O génio que é safadinho, mas que sabe que são 5h da manhã e que estavas a dormir, fala baixinho e diz-te: “1 lição, 1 desejo… Por cada lição aprendida em 2018, um desejo te será concedido em 2019.”
E puff…vai à vida dele!

De manhã acordas e não sabes muito bem o que aconteceu, se aconteceu ou se fazia parte do pesadelo.

Opção A) Optas por escolher que faz tudo parte do pesadelo, afinal de contas andas a dormir mal há tanto tempo que de certeza que faz tudo parte do mesmo pacote. Para além disso, convenhamos que não existem génios nem magia!
Opção B) Acredites ou não em génios, desligas-te da imagem e focas-te na mensagem.
“1 lições, 1 desejo… Por cada lição aprendida em 2018, um desejo te será concedido em 2019.”

Qualquer que seja o pesadelo, a confusão ou o lado negro que te tem visitado durante nos últimos meses, o mês de dezembro traz-te a capacidade (e oportunidade) de revisão, de aprendizagem e ajustamento de caminho.

Não sou génio nem tenho uma lâmpada mágica, mas tenho a amiga Numerologia que me diz que a revisão que fores capaz de fazer durante este mês irá traduzir-se nos ganhos que terás em 2019. Rever, aprender, mudar de comportamento e seguir em frente.

Por isso, para por uns minutos e responde:
Ao longo de 2018…
** O que deixou de funcionar? (O que tiveste de largar…)
** O que passou a funcionar? (O que passaste a fazer…)
** Que pessoa és tu hoje, em comparação com a pessoa que eras em janeiro? (em que mudaste…)

PS1: Vais gostar de reler as tuas próprias respostas em março de 2019 e eu também 😉
PS2: Podia colocar uma imagem de um génio safadinho, mas achei a do meu Elvis bem mais interessante 🙂

 

[Clica aqui para saberes mais sobre o teu ano de 2019]

Com Amor ♡,

Ana Sequeira

Comentários do Facebook
Post Anterior
Próximo Post
Ana-Sequeira-News

Precisas de inspiração para mudar a tua vida?

Privacidade

Grata por subscreveres! Confirma, por favor, a tua subscrição no email que vais receber.

Pin It on Pinterest

Share This
X